Home / Mentalidade / Desejo – o combustível das realizações

Desejo – o combustível das realizações

Falarei no presente post do ponto por onde começam a realizações: o desejo.

Tudo o que hoje encontra-se feito no mundo material, um dia foi apenas um desejo na mente de quem realizou a façanha.

Daí surge a popular frase:

“cuidado com o que deseja”

A frase popular faz todo o sentido, pois tudo o que é produzido em sua mente, pode, dependendo da intensidade do seu desejo, tornar-se realidade.

Nesse ponto é interessante fazer a diferenciação entre o desejo real e o simples querer.

O Simples Querer

Querer algo é diferente de realmente desejar.

Bastante difícil precisar a quantidade de coisas que nós todos “queremos” durante um só dia. Contudo, você estaria disposto a dedicar grande quantidade de dedicação concentrada durante dias, semanas, meses ou até anos para conquistar esse “querer”?

Normalmente a resposta é não, por isso essa sua vontade é um simples querer e não um desejo na acepção que quero dar aqui.

Em questões financeiras, se você perguntar para as pessoas se elas querem ser ricas a maior parte vai dizer que sim. Se você perguntar qual o plano e o que ela está fazendo para conquistar tal situação financeira a imensa maioria não saberá dizer.

Assim, essas pessoas ainda não converteram esse simples querer em um desejo real, sendo esse último a verdadeira semente das realizações.

O Desejo Real

Desejo

O que chamo aqui de desejo real é a vontade guardada com tanta força dentro do seu inconsciente que faz sua mente, o tempo todo, estar a procura de converter tal desejo em realidade.

Quem transformou uma simples vontade em desejo real consegue traçar um plano para transformar referido desejo em realidade e está disposto a dedicar a energia e tempos necessários para materializarem o mesmo.

Essa é a semente que você deve plantar em seu inconsciente.

Nossa cérebro e mente formam uma dupla capaz de realizar façanhas que nós, conscientemente, não conseguimos sequer imaginar. Qual tal utilizarmos a força dessa máquina perfeita a nosso favor?

Pois é, você tem aí dentro de você ferramentas capazes de trazer a realidade, utilizando meios que nem você mesmo conhece, praticamente qualquer desejo real que você possua, desde que dentro de um parâmetro natural, evidentemente.

Um ponto que deve ser levado em consideração é que nossa mente inconsciente é incapaz de fazer a separação entre desejos positivos e negativos e isso, como você deve perceber, é bastante perigoso:

“Cuidado com o que você deseja”

Pense comigo, temos a nosso dispor um cérebro e mente que, programados, são capazes de tornar realidade praticamente qualquer coisa.

Contudo, esse mecanismo não separa o que é positivo do negativo, apenas executa.

Posso eu, então, realizar coisa negativas para mim mesmo ou para os outros?

Sim!

Isso explica os problemas que muitas pessoas passam e não conseguem encontrar explicações sobre a razão de estarem naquele estado.

Como transformar uma simples vontade em desejo

Como ficou claro, o que nos leva a realmente executar algo é um desejo verdadeiro e não uma simples vontade.

Como impregnar esse desejo em nossa mente?

O procedimento é simples, mas trabalhoso! Como assim?

É fácil de ser realizado, mas exige dedicação da sua parte.

A primeira tarefa é tornar seu desejo em algo concreto e definido. É o que Napoleon Hill chama de objetivo principal definido.

Você deve saber, em detalhes, exatamente o que você quer, para que sua mente possa trabalhar em formas de conseguir.

Superada essa tarefa, você deve criar em sua mente a imagem desse desejo, ou seja, imagine-se estando na situação que deseja alcançar.

Faça uma declaração, por escrito, desse desejo. Escreva o que quer, como e quando quer ter. Se você ainda não tem condições de afirmar para si mesmo o como e o quando, escreva, pelo menos, o que quer.

A partir daí passe a ler isso, em voz alta, pelo menos três vezes por dia e mentalmente dezenas de vezes. Isso mesmo, sempre que se lembrar, repita seu desejo mentalmente.

Mas, Valter, como isso vai me ajudar a conseguir o que desejo?

Se você repete um conceito conscientemente essa ideia vai, pouco a pouco, fixando-se mais no seu inconsciente. Isso acontecendo, sua mente, mesmo sem você perceber, passará a trabalhar em formas de realizar seu desejo.

É a técnica da autossugestão. Você repete tanto para si mesmo que quer algo, que esse desejo vai ficando cada vez mais forte.

Bom deixar claro que o desejo é um importante passo, mas não o processo inteiro. Ou seja, repetir um desejo para si mesmo por 10 anos não vai fazer com que seu objetivo principal definido realize-se de maneira mágica, outras atitudes serão necessárias. Recomendo, nesse momento, a leitura do meu post Introdução à Filosofia do Sucesso.

Assim, tudo começa com o desejo, mas não termina aí.

Estabeleça, detalhadamente, qual é seu ideal de vida. A partir daí, para a mentalizar e repetir esse ideal para si mesmo. Isso lhe ajudará a converter uma vontade em desejo real. Quando isso tiver acontecido, você estará apto a elaborar o plano para conseguir conquistar seu desejo; agir; corrigir a rota; agir novamente; e novamente;e novamente até conseguir concluir o que planejou.

O blog é totalmente dedicado a publicar conteúdos que vão lhe ajudar a realizar seus desejos. Os conceitos estão distribuídos em vários posts. Para não perder nada, inscreva-se em um dos formulários da página que, sempre que eu postar algo, você será avisa.

Abraços.

 


Preencha seu e-mail e receba meus artigos gratuitamente!


Garantimos sua privacidade. Não divulgamos seu e-mail!

Shares